Boletim

Participação

Atualização:MAIO/2018















Exortação Apostólica: “Alegrai-vos e exultai!”

No dia 09 de abril, o Papa Francisco publicou a sua terceira Exortação Apostólica, “Gaudete et Exsultate” (Alegrai-vos e Exultai). Diz o Santo Padre que esta exortação pretende “encorajar a que todos acolham o chamamento à santidade na vida quotidiana”.
O título "Gaudete et Exsultate", "Alegrai-vos e exultai," repete as palavras que Jesus dirige "aos que são perseguidos ou humilhados por causa dele”. Nos cinco capítulos e 44 páginas do documento, o Papa segue a linha de seu magistério mais profundo, a Igreja próxima à "carne de Cristo sofredor." Os 177 parágrafos não são – adverte - "um tratado sobre a santidade, com muitas definições e distinções", mas uma maneira de “fazer ressoar mais uma vez o chamado à santidade”, indicando “os seus riscos, desafios e oportunidades” (n. 2).

O Papa Francisco, no primeiro capítulo, sobre o "chamado à santidade" afirma: “(...) há um caminho de perfeição para cada um e não faz sentido desencorajar-se contemplando modelos de santidade que lhe parecem inatingíveis ou procurando imitar algo que não foi pensado para ele. Importante é que cada pessoa discirna o seu próprio caminho e traga à luz o melhor de si mesmo(...)”. Que a leitura desta exortação nos estimule a acolher o chamado à santidade do Senhor.
 









Ser mãe é um dom de Deus




Neste mês dedicado às mães, gostaríamos de deixar como mensagem a todas as mães da Família Diocesana de Bagé, uma bela reflexão do Papa Francisco sobre a importância das mães para as famílias e para a sociedade.
“(...) As mães são o antídoto mais forte contra o propagar-se do individualismo egoísta. ‘Indivíduo’ quer dizer ‘que não se pode dividir’. As mães, ao contrário, ‘dividem-se’, a partir do momento que hospedam um filho para o dar à luz e fazer crescer. Sim, ser mãe não significa somente colocar um filho no mundo, mas é também uma escolha de vida.

O que escolhe uma mãe, qual é a escolha de vida de uma mãe? A escolha de vida de uma mãe é a escolha de dar a vida. E isto é grande, é bonito.”

(Fonte: vocações.org)












56ª Assembleia da CNBB





O tema refletido na 56ª Assembleia Geral dos Bispos que se realizou em Aparecida (SP) de 11 a 20 de abril foi “Diretrizes para a Formação de Presbíteros” . O objetivo dos bispos foi de atualizar as diretrizes em vigor, aprovadas em 2010, por ocasião da 48ª Assembleia Geral da CNBB. O encontro tratou ainda de outras temáticas e de problemas emergentes da vida das pessoas e da sociedade sempre na perspectiva da evangelização.

Segundo dom Sergio, a Assembleia Geral vai muito além do que se pode considerar como pronunciamentos, declarações, notas, mensagens ou documentos que são elaborados e aprovados pelo episcopado brasileiro. “Nós não nos reunimos apenas por produzir textos. Claro que eles são muito importantes. Mas a Assembleia quer ser, em primeiro lugar, um espaço de convivência fraterna, de colegialidade episcopal”, afirmou. (Fonte – CNBB)










Escola da Juventude-Primeira Etapa






Nos dias 07 e 08 de abril, em Santana do Livramento, realizou-se a Escola da Juventude da PJ, onde se encontraram jovens representantes de seus respectivos grupos de base, Paróquias e Comunidades. Contamos com a assessoria da jovem Regina Luísa Rodrigues Orio, da Arquidiocese de Porto Alegre, que trabalhou conosco sobre a Mística e Espiritualidade da Pastoral da Juventude. Deus é reza, é dança, é luta, é olhar pro outro, é a natureza. Sagrado somos nós, nossa família, nossa comunidade, percebendo que Deus se revela de várias formas.

À noite, a Celebração dos Mártires, a partir de uma prévia partilha da assessora e de alguns integrantes do grupo se deu o significado e a importância de muitas pessoas da caminhada que deram suas vidas em prol de um projeto.

No domingo, celebramos junto a Comunidade Santa Teresinha que nos acolheu neste final de semana. Após, realizamos nossa Ampliada Diocesana, com objetivo de ver e rever os caminhos trilhados observando a realidade de cada grupo, as dificuldades, os anseios e as alegrias, encaminhando uma equipe de jovens como referência dos grupos presentes para melhor dinamização das atividades e propostas efetuadas pelas próprias bases.

Coordenação Diocesana da Pastoral da Juventude  


 



Santo do Mês de Maio




No dia 22 de maio comemoramos o dia de Santa Rita de Cássia, conhecida por "advogada das causas impossíveis". Santa Rita nasceu no ano de 1381 na cidade de Cássia manifestou desde muito jovem sua vocação religiosa, porém desistiu de seu sonho para atender ao desejo de seus pais que já possuíam idade avançada, e acabou por se casar com Paulo Ferdinando.

Porém o casamento de Santa Rita de Cássia não era feliz pois seu marido era um homem violento e agressivo, mas com paciência e oração conseguia suportar. Após muita penitência e oração de Rita, Paulo se converteu aos preceitos cristãos, mas já era tarde, pois suas atitudes anteriores provocaram inimizades onde acabou assassinado

A viuvez trouxe grande dor ao coração de Santa Rita, porém devido a sua grande fé não deixou se levar pela dor, e dedicou-se aos dois filhos criando-os com carinho e amor dentro do amor cristão. Porém ao crescerem e descobrirem o motivo da morte do pai, os dois filhos de Rita decidiram buscar vingança. Após a morte de seus filhos, Santa Rita ficou sozinha no mundo, decidindo então seguir a vocação ainda desperta na juventude, se tornando uma monja agostiniana, se entregando a uma vida de orações e penitência, e obediência total às regras agostinianas. Santa Rita de Cássia faleceu no ano de 1475 com 76 anos de idade. Porém após sua morte inúmeros milagres lhe foram atribuídos, o que lhe daria o título de "Santa das Causas Impossíveis".




Iniciação à Vida Cristã





Neste ano de 2018 está sendo estudado em todas as paróquias da Diocese de Bagé o processo catequético de inspiração catecumenal, chamado Iniciação à Vida Cristã. Desde 2011 a Iniciação à Vida Cristã está presente nas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil como uma urgência pastoral. Isso demonstra a necessidade de encontrar novos caminhos pastorais, novas metodologias e, principalmente, reconhecer a eficácia da inspiração catecumenal que, segundo o Diretório Nacional de Catequese, deve iluminar qualquer processo catequético (DNC 45).






O atual processo catequético tem como objetivo formar discípulos missionários do Senhor que saibam dar testemunho de sua fé em meio aos desafios da atual sociedade. Hoje são necessárias novas atitudes pastorais para formação de discípulos mais conscientes de sua missão. Desta forma, com o itinerário de Iniciação à Vida Cristã, busca-se não somente oferecer às pessoas uma preparação para os sacramentos, mas proporcionar, verdadeiramente, um profundo encontro com Jesus Cristo, abrangendo a dimensão celebrativa, litúrgica, vivencial e orante da fé.  






Com o objetivo de esclarecer melhor este novo itinerário catequético, a Coordenação Diocesana de Catequese, está realizando encontros de estudo em todas as paróquias da Diocese a fim de que, as (os) catequistas conheçam melhor este processo catequético. Os encontros tem como base, o documento 107 da CNBB que aborda a Iniciação à Vida Cristã a partir da metodologia Ver-Iluminar-Agir.

Coordenação Diocesana de Pastoral  

   

SAV
(Serviço de Animação Vocacional)- Bagé







No dia 27 de março a Diocese de Bagé, ao final da missa dos santos óleos, deu início a Ação Evangelizadora “Cada comunidade uma nova vocação”. Esta ação, assumida por todas as dioceses do Rio Grande do Sul, tem o objetivo de suscitar em nossas comunidades as diversas vocações. Para isso, a ação propõe que se reze uma dezena do rosário antes de cada reunião pastoral ou celebração. Junto a isso, pede-se que se divulgue através dos meios de comunicação, vídeos contendo testemunhos alegres das diversas vocações. Que Maria, mãe das vocações, nos ajude a realizar com alegria esta ação evangelizadora.






    Foi realizada em Bagé nos dias 06 e 07 de abril a capacitação Missão e Gestão com os coordenadores das Paróquias de Bagé, Dom Pedrito, Hulha Negra, Santana do Livramento e Rosário do Sul. O encontro foi assessorado pela capacitadora Sandra Regina Perch de Pelotas

 


 


Encontro das CEBs




No dia 15 de abril aconteceu em Dom Pedrito a ampliada diocesana das CEBs. O encontro contou com a presença dos cinco delegados que representaram a Diocese de Bagé no 14º Intereclesial de CEBs em Londrina, PR. Com a partilha realizada pelos delegados das experiências vividas no 14º Intereclesial de CEBs, a ampliada diocesana refletiu a atual situação das nossas comunidades, buscando caminhos para sua revitalização.


“A vida em comunidade representa um desafio. Num passado não muito, distante, a vida em comunidade era uma necessidade. Hoje tal necessidade parece ter se perdido”. Por fim, o encontro proporcionou momentos de debate, troca de experiências e, principalmente, reanimou aqueles que trabalham pelo Reino de Deus em nossas comunidades.


Pré missões em Dom Pedrito




Durante os dias 06-07-08 de abril, três Freis missionários Franciscanos visitaram as 15 comunidades da Paróquia Nossa Senhora do Patrocínio, em Dom Pedrito, como preparação às missões que ocorrerão no mês de agosto. Após uma reunião com a comunidade (foto ao lado), onde os missionários explicaram a metodologia a ser usada nas missões, eles visitaram cada comunidade, animando a todos para viverem plenamente este momento preparatório. Certamente, estas santas missões proporcionarão um novo ânimo às comunidades da paróquia, no desejo de sermos verdadeiramente uma “Igreja em Saída” como nos pede o papa Francisco.  

 




A Pastoral da Pessoa Idosa tem por objetivo assegurar a dignidade e a valorização integral das pessoas idosas, através da promoção humana e espiritual, respeitando seus direitos, num processo educativo de formação continuada destas, de suas famílias e de suas comunidades, sem distinção de raça, cor, profissão, nacionalidade, sexo, credo religioso ou político, para que as famílias e as comunidades possam conviver respeitosamente com as pessoas idosas, protagonistas de sua autorrealização.  

  Elas os trazem a paz e o aconchego para o dia a dia da missão. Elas nos inquietam e nos movimentam ao trabalho e a fazer a vontade de Deus sempre. Destaco também a acolhida que a Equipa Missionária teve comigo, em especial a Victória que me acolheu em seu coração e me mostrou com muito carinho aquilo que faz. Então, aos poucos já fui conhecendo nossa missão e acompanhado os trabalhos diários de nossas paróquias de Larde e Micane, juntamente com Padre Domingos e Padre Luiz. A segunda forma do povo Macua entrar em minha vida é a alegria que contagia nossas comunidades cristãs, pois já estivemos nos conselhos paroquiais e foram momentos de encontro e acolhida regados pela força e dinamismo dos ministérios leigos aqui cultivados. Como é bonita essa Igreja ministerial!!! Já conversei com muitos papás e mamás de nossas comunidades, encontros cheios de vida e aprendizado.

Destacamos algumas atividades realizadas pela Pastoral da Pessoa Idosa na Diocese de Bagé:

  * 7º Encontro Diocesano de Líderes da Pastoral da Pessoa Idosa da Diocese de Bagé
  No dia 20 de maio acontecerá em Santana do Livramento na Paróquia Santa Teresinha, mais um encontro diocesano de líderes da Pastoral da Pessoa Idosa. Momento de fortalecer o compromisso e a missão de cuidar dos idosos e promover a vida. Durante todo o dia as líderes estarão reunidas para refletir, debater e compartilhar experiências do trabalho realizado nas Paróquias.

* Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa
A Pastoral da Pessoa Idosa da Diocese de Bagé tem assento no Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa. Foram indicados dois nomes para compor este conselho, são elas: Silvana Kinczel Caetano e Maria Nilza Alves Silveira, tem a missão de representar a PPI neste conselho.

* Referencial da Pastoral da Pessoa Ido
A Pastoral da Pessoa Idosa já conta com a colaboração de um padre referencial, trata-se do padre Júlio Cesar Ribeiro, Administrador da Paróquia São Judas Tadeu em Bagé. A ele o agradecimento de toda a equipe da Pastoral. Sucesso na missão a ele confiada.

Receita – Frei Zanata




    É uma das hortaliças muito utilizada como verdura na cozinha, para sopas, saladas e conservas. A couve é muito rica em minerais (cálcio, ferro e fósforo) e vitaminas (A, complexo B e C), sendo depósito formidável de iodo (constituinte essencial da glândula tireóide). É desintoxicante, antioxidante. As folhas e caules são boas fontes de minerais como ferro, fósforo, cálcio, cobre, manganês, selênio, potássio e zinco. É também uma fonte de vitamina E. Sendo classificada na lista dos alimentos mais saudáveis do mundo. Ela contém vitaminas como A, K, C, B6, B1, B2 e B3. Nela se encontra ainda outros nutrientes como o manganês, cobre, potássio, fibras alimentares e proteínas.
Doenças e enfermidades que previne e cura: problemas digestivos, enfermidades do fígado, cálculos renais, menstruação dolorosa, artrite, bronquite, úlceras estomacais, ressacas, prisão de ventre. O sulforanato presente nela é eficaz no combate ao câncer; Contém ômega 3 ácido graxo que funciona como um anti-inflamatório; ajuda a visão, protegendo contra a catarata; ajuda a manter o nível de pressão arterial normal; contém fibra, o que é bom para o tipo 1 e 2 de diabetes; fortalece o sistema imunológico; auxilia na perda de peso; previne a anemia e melhora a saúde dos ossos.
Indicações de uso: suco para desintoxicação (1 folha de couve, meio limão descascado e sem sementes, 1 banana, meia colher de sopa de gengibre ralado, 1 xícara de água e 1 colher de sopa de mel). Não há contra-indicações.